Esporte

Thiago Carpini comenta passagem como jogador do Bahia: "Não foi muito boa"

Apresentado nesta quinta-feira (16) como novo técnico do Vitória, não será a primeira vez que Thiago Carpini irá morar em Salvador.

Imagem de destaque da notícia
Apresentado nesta quinta-feira (16) como novo técnico do Vitória, não será a primeira vez que Thiago Carpini irá morar em Salvador. Entre 2009 e 2010, o ex-volante, com passagens por Atlético-MG, Ponte Preta, Guarani, entre outras equipes, atuou no Bahia, em um período que durou apenas nove jogos.

O baixo número de partidas se explica por conta de uma lesão no braço esquerdo. Carpini chegou a declarar que não passou por tratamento adequado no rival do Rubro-Negro e que foi "forçado" a voltar aos gramados antes do tempo necessário. Tempos atrás, o agora técnico do Leão chegou a acionar o Bahia na justiça por danos morais.

Em sua entrevista coletiva, Carpini lembrou da época em que morou em Salvador, uma "cidade maravilhosa e de povo acolhedor", segundo o treinador. Ao comentar o período no Bahia, o agora técnico do Vitória foi sucinto e disse que "a passagem não foi boa". Ele espera escrever uma história diferente nesta nova oportunidade.

"Eu morei em Salvador. Tive uma passagem por aqui. Cidade maravilhosa, povo acolhedor, fiz amizades e agora é uma nova história. Minha passagem (no Bahia) não foi muito boa. A passagem boa espero que seja essa no Vitória", comentou o novo técnico rubro-negro.

Após a apresentação, Thiago Carpini comandou o seu primeiro treino no Centro de Treinamento Manoel Pontes Tanajura. Com o adiamento da partida que seria no próximo sábado (18), no Barradão, contra o Atlético Goianiense, pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro, o treinador se prepara para estrear na próxima quarta-feira (22), às 19h, no Barradão, pela partida de volta da 3ª fase da Copa do Brasil, contra o Botafogo. Na ida, o Leão foi derrotado pelo placar de 1 a 0.

Comentários

Leia estas Notícias

Acesse sua conta
ou cadastre-se grátis