BORA PRADO

Vice-prefeita de cidade baiana rompe com prefeito a seis meses de eleição

A vice-prefeita de Ibirapitanga, no Baixo Sul baiano, Val de Gude (PDT), anunciou nesta segunda-feira (1°) o rompimento com a gestão do prefeito Junilson de Boró (PSD).

Por PRADO AGORA em 01/04/2024 às 10:58:25

A vice-prefeita de Ibirapitanga, no Baixo Sul baiano, Val de Gude (PDT), anunciou nesta segunda-feira (1°) o rompimento com a gestão do prefeito Junilson de Boró (PSD). Esposo da vice, o ex-prefeito Gude (PDT) também anunciou o rompimento com o atual gestor. Segundo o Políticos do Sul da Bahia, parceiro do Bahia Notícias, a saída do governo da vice e do marido dela estaria ligada a uma série de divergências.

Em declaração, Val de Gude chegou a falar em falta de consideração por sugestões levadas ao prefeito. No entanto, ela não detalhou quais seriam. A vice também não se manifestou a respeito de pré-candidatura dela nas eleições deste ano.

"Durante minha jornada como vice-Prefeita, estive à disposição da gestão em exercício para contribuir com o nosso querido município, sempre visando seu desenvolvimento e bem-estar. No entanto, ao longo dessa gestão, a ausência de integração e acolhimento, somada à falta de consideração pelas sugestões apresentadas gerou um profundo sentimento de isolamento", disse a vice-prefeita.

Val de Guge concorreu à prefeita de Ibirapitanga, em 2016. Ela ficou em segundo lugar, com quase 4,9 mil votos (44,81% dos votos válidos). Em 2020, formou a chapa com Junildo de Boró que venceu a eleição com uma margem estreita de 144 votos de frente. Junilson de Boró está no primeiro mandado, podendo se candidatar para uma possível reeleição.

Fonte: Bahia Noticias

Comunicar erro
anuncie aqui 2

Comentários

anuncie aqui 3