Site Universitarias club

Esporte

Vitória tem contas bloqueadas por dívida com Felipe Garcia, ex-jogador do clube

Em entrevista ao PodZé, do apresentador José Eduardo, na última quinta-feira (16), o presidente do Vitória, Fábio Mota, revelou que o Rubro-Negro teve as contas bloqueadas por conta de uma dívida com o atacante Felipe Garcia, que atuou no Vitória entre 2019 e 2020, no valor de R$ 812 mil.

Imagem de destaque da notícia
Em entrevista ao PodZé, do apresentador José Eduardo, na última quinta-feira (16), o presidente do Vitória, Fábio Mota, revelou que o Rubro-Negro teve as contas bloqueadas por conta de uma dívida com o atacante Felipe Garcia, que atuou no Vitória entre 2019 e 2020, no valor de R$ 812 mil.

O jogador foi contratado pelo Leão na gestão do ex-presidente Ricardo David e acionou o clube na justiça. Após se destacar no Brasil de Pelotas, Felipe Garcia passou pelo Nagoya Grampus, do Japão, e Goiás, até chegar ao Vitória em 2019 quando fez 24 jogos, com dois gols e duas assistências. Em 2020, o atacante fez mais oito partidas, sem gol marcado, até se transferir para a Chapecoense. Atualmente, Felipe Garcia atua no Operário Ferroviário, do Paraná.

Com Thiago Carpini apresentado como seu novo técnico na última quinta-feira, o Vitória volta a campo contra o Botafogo, na próxima quarta-feira (22), às 19h, no Barradão, pela partida de volta da 3ª fase da Copa do Brasil. Na ida, o Rubro-Negro foi derrotado por 1 a 0.

Na 18ª colocação da Série A com um ponto em cinco jogos, o Vitória jogaria contra o Atlético Goianiense, neste sábado (18), no Barradão, pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro, porém, tanto essa partida quanto o duelo contra o Juventude, pela 8ª rodada, foram adiados devido à tragédia climática que assola o Rio Grande do Sul.

Compartilhe essa notícia pelo WhatsApp!

Comentários

Leia estas Notícias

Acesse sua conta
ou cadastre-se grátis