Esporte

Santa Cruz aciona STJD para jogar a Série D 2024 e pede suspensão do início da competição

O Santa Cruz entrou com uma medida cautelar no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pleiteando uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro de 2024.

Imagem de destaque da notícia
O Santa Cruz entrou com uma medida cautelar no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pleiteando uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro de 2024. Além disso, o clube pernambucano também ingressou com uma liminar solicitando a suspensão do início da competição, marcada para o dia 28 de abril.

O Santa Cruz quer a vaga do Democrata de Sete Lagoas, qu foi sorteado no Grupo A6 que tem o baiano Itabuna. No entendimento da diretoria, o clube mineiro não estaria apto para jogar a Série D, já que foi rebaixado como lanterna no estadual do ano passado. A equipe herdou a classificação após as desistências do Democrata, de Governador Valadares, Villa Nova e Caldense. O estado de Minas Gerais tem direito a três representantes na quarta divisão. Os outros dois são Ipatinga e Patrocinense, rebaixado neste ano.

Caso o Democrata fique fora da Série D, os dirigentes pernambucanos acreditam que o substituto seria o Santa Cruz, por ser o melhor colocado do ranking da CBF sem divisão.

Com 64 times participantes, a Série D do Brasileiro está prevista para começar no dia 28 de abril. A CBF ainda vai divulgar a tabela detalhada da competição. O futebol baiano será representado por Jacuipense e Juazeirense, integrantes no Grupo A4 junto com ASA-AL, CSE-AL, Retrô-PE, Petrolina-PE, Itabaiana-SE e Sergipe, e por Itabuna, que ficou na chave A6 ao lado de Real Noroeste-ES, Serra-ES, Ipatinga-MG, Audax-RJ, Portuguesa-RJ, Nova Iguaçu-RJ, além do Democrata.

Comentários

Leia estas Notícias

Acesse sua conta
ou cadastre-se grátis